Vc é uma ROSA de DEUS !

Vc é uma ROSA de DEUS !
“Os poderosos podem matar uma, duas ou três rosas, mas jamais conseguirão deter a primavera inteira!” Che Guevara

O que vc acha do blog da CRIZ COCA?

meus videos

Loading...

Seguidores

visitas now

Pesquisar este blog

1 2 3 4

Religião
Eles são diferentes.
E adoram isso

Jovens evangélicos não bebem, não fumam,
não têm sexo fora do casamento. Mas a rigidez
diminuiu, eles se sentem melhores que os outros
e acreditam num futuro de prosperidade

Julio Vilela

CRENTES NA BALADA
Rodrigues (de óculos) com amigos no Brother Simion, point evangélico: beber, não, fumar, também não; beijar, sim, mas sem avançar o sinal

Eles vão a baladas, namoram, surfam e usam roupas da moda. A diferença entre os evangélicos e a maioria dos outros jovens é que suas festas são sem álcool, o namoro é sem sexo e as roupas, sem exageros – nada de saias pelos pés e cabelos pela cintura, mas decotes e comprimentos moderados. A maneira brasileira de ser evangélico ajuda a explicar os números impressionantes: 17% dos jovens entre 15 e 29 anos se identificam como seguidores de alguma das confissões evangélicas. Basta entrar em qualquer culto pentecostal para constatar a vitalidade de sua presença: praticamente a metade da igreja é sempre composta de jovens. Orgulhosos de seguir uma doutrina aparentemente tão contrária a tudo o que a juventude aprecia em nome de valores espirituais, também assumem a busca da realização material ("Nós merecemos o melhor" é uma declaração constante). Em algumas igrejas específicas, a promessa de redenção é um atrativo poderoso. "A maioria vem aqui porque tem angústias de várias naturezas, entre elas o vício em drogas. Mas uma vida desregrada e um certo desconforto com o mundo, que muitas vezes nem eles mesmos sabem explicar, também trazem muitos jovens para a igreja", enumera Rodrigo Ribeiro Rodrigues, membro há três anos e meio da Bola de Neve Church, igreja conhecida em São Paulo pela presença absoluta de jovens. Rodrigo trabalha como assessor de imprensa da Bola de Neve – sim, a igreja tem assessor. Além dos cultos, ele freqüenta o inusitado pub gospel Brother Simion, ponto de encontro de jovens crentes em São Paulo. O Brother Simion é isso mesmo: pub, ou seja, lugar meio escurinho onde jovens se encontram, e gospel, o que quer dizer que lá não se pode fumar nem beber. "O que mais sai aqui é açaí", diz o Brother Simion em pessoa, o dono do estabelecimento. E que fique claro aos casais: beijar, pode; avançar o sinal, não.

Fotos Lailson Santos

ORAÇÃO NA AVENIDA
Vanessa, que ora aos domingos na Paulista: "Fiz até um curso na igreja para aprender a comandar situações e falar em público"


Com o público jovem como alvo específico, as igrejas evangélicas organizam cultos e reuniões freqüentes, estimulam a integração, oferecem emprego e atividades esportivas, em ambiente de violência zero – um diferencial tremendo em locais atormentados por altíssimos índices de criminalidade. Praticamente garantem um futuro de prosperidade e um casamento estável. A quem já escorregou, asseguram a oportunidade de passar uma borracha no passado e ser acolhido como uma nova pessoa, querida pela comunidade. A maioria das religiões parte dos mesmíssimos princípios, mas as igrejas evangélicas aperfeiçoaram uma forma simples e envolvente de apregoar suas vantagens. O jovem vai, empolga-se e julga que não beber e não transar fora do casamento são requisitos razoáveis para um futuro tão promissor. "As pessoas criam esse estereótipo de que ser cristão é ser chato. Não é isso. A gente pode tudo, tem a mesma liberdade que qualquer um. Só que fazemos escolhas. E, na minha opinião, fazemos as melhores", diz Rafael David, 21 anos, da mesma Bola de Neve. A igreja foi fundada em 2000 pelo surfista Rinaldo de Seixas Pereira, o pastor Rina, de 36 anos. Uma vez por ano, dezenas de ônibus de seguidores da Bola de Neve rumam para Florianópolis para participar de torneios de surfe e skate. Na praia, os meninos ouvem reggae com letra religiosa e as meninas usam biquínis comportados.

Os padrões da Bola de Neve são mais liberais, mas o excesso de modéstia constitui hoje exceção. "Antes éramos conhecidas como jovens velhas, por causa da saia e do cabelão comprido. Mas eu me visto como qualquer outra menina. Claro que não uso decote nem minissaia, mas adoro jeans e blusinhas de alça. O importante é estar vestida com decência. Somos reconhecidas por nossa sobriedade", diz Janara Alves, advogada de 26 anos que freqüenta a Assembléia de Deus. Não fazer sexo com a namorada é difícil? "Ficar sem sexo dói, é um sacrifício, mas no final da minha busca eu vou ter um prêmio. O ápice da minha procura vai ser com uma pessoa que eu conheço e com quem tenho uma aliança verdadeira. Estou me guardando para o melhor", acredita Jeferson Ricardo Silva, de 19 anos, estudante de moda e membro da igreja Sara Nossa Terra há um ano. Nessa antecipação de dias melhores, poucas coisas fazem tanto sentido quanto a valorização do progresso material. "Todas as segundas-feiras temos uma palestra na igreja chamada Congresso Empresarial. Nela aprendemos que prosperar financeiramente não é sujo. Se o casal não tem dinheiro, ele vai brigar por causa disso. O mesmo acontece na vida como um todo. Deus nos ensina a ter o melhor, a lutar para melhorar de vida", empolga-se Nathalia Gomes, 20 anos, fiel há seis anos da Igreja Universal do Reino de Deus, que usa cabelo ruivo espetado, veste camiseta com ombro de fora e não dispensa seu par de coturnos.

À ESPERA DO PRÊMIO
Jeferson Silva, sobre o namoro sem sexo: "É um sacrifício, mas espero para ter uma aliança verdadeira. Estou me guardando para o melhor"

A maior igreja pentecostal, o nome religiosamente correto dessa vertente do protestantismo, do Brasil é a Assembléia de Deus, com cerca de 100 000 templos e 15 milhões de fiéis. Em segundo lugar vem a discreta Congregação Cristã no Brasil, que não pede dízimo, proíbe participação em instituições políticas e veta a divulgação por meios de comunicação de massa. Entre as neopentecostais, o pódio é ocupado pela conhecida Universal do Reino de Deus, com 5.146 templos e 8 milhões de membros. De igrejas como a Universal partiu a bem-sucedida flexibilização de regras; as tradicionais, meio a contragosto, aderiram. "De um lado, as igrejas mais tradicionais deixaram de reprimir o ato de ver TV, de ir à praia, de usar maquiagem, cabelo curto e roupas da moda. De outro, as pentecostais passaram a fazer de seus cultos verdadeiros shows de música e dança, proporcionando-lhes um caráter de entretenimento. Isso atraiu muitos jovens", explica Nicanor Lopes, professor de teologia da Universidade Metodista de São Paulo.

Segundo pesquisa da Fundação Getulio Vargas, cerca de 30% dos fiéis das igrejas evangélicas estão nas classes C e D, em que a teologia da ascensão material encontra terreno propício. "A igreja nos ensina a ter o melhor. Aqui a gente aprende que ter prosperidade é dom de Deus. Se somos pessoas boas, nossa fé vai nos dar condições de, por exemplo, viajar, fazer cruzeiros e ficar em hotéis cinco-estrelas", diz Daniela Soares, 32 anos, fiel da Universal há dezoito. Empresária adepta do terninho, salto alto e maquiagem, ela coordena um grupo de jovens em atividades como um desfile de vestidos de noiva em que, microfone em punho, grita: "Quem quer se casar neste ano?". Diante do mar de mãos erguidas, arremata: "Então, vai escolhendo o vestido, que ele pode ser seu". Segundo levantamento feito pelo Instituto de Estudos da Religião (Iser) com 800 cariocas entre 15 e 24 anos, os evangélicos são os que mais se reúnem, seja em cultos, seja em outras atividades. Mais de 52% deles disseram ir duas vezes ou mais por semana à igreja. "Aqui, eu me sinto em casa. Posso ser eu mesmo. No primeiro dia em que vim à igreja, o pastor me chamou no altar, me elogiou muito e, apontando para a multidão lá embaixo, me disse: ‘Veja a nova família que você acaba de ganhar’. Eu me senti muito acolhido", recorda Jeferson, o estudante de moda.

DINHEIRO NÃO É PECADO
Nathalia: "Na igreja aprendemos que prosperar não é sujo. Deus nos ensina a ter o melhor"

A política de acolhimento tem resultados evidentes. "Procurei uma igreja católica, mas não achei nenhuma aberta. A primeira que apareceu foi uma Renascer", recorda Carolina Chiarlitti Bassi, 25 anos, estudante de administração e ex-dançarina de axé – "tempo de top e shortinho, drogas, noitadas". Hoje ela dá aulas de dança na própria igreja e tem um olhar crítico em relação ao passado: "Sexo, cerveja, cigarro, a gente sabe que tudo isso é passageiro, sem compromisso, e que não vai levar a futuro algum. Fumar e beber pode causar dependência. Transando com vários não vou fazer uma família".

O fervor dos jovens convertidos pode incomodar e causar desconforto. "Sofremos preconceito o tempo inteiro. Meus próprios amigos criticam: ‘Vai lá na igreja dar dinheiro ao pastor’", afirma Thiago Vignoli, 24 anos, estudante de administração e fiel da Sara Nossa Terra. Como é comum em grupos de alto teor de crença religiosa, a eventual discriminação vira motivo de orgulho. "Quando você começa a ter um pouco mais de convicção naquilo que segue, ser discriminado é tudo o que você quer. Eu sempre quero ser discriminado, para ter a oportunidade de contar meu testemunho", diz Phillip Silva Guimarães, 23 anos, gerente de contas em um banco e membro da Renascer. As igrejas também propiciam métodos para enfrentar constrangimentos. Vanessa de Almeida, 26 anos, fiel da Sara Nossa Terra, aos domingos costuma ir com amigos fazer preces em voz alta em plena Avenida Paulista. "As pessoas passam, nos vêem orando e se emocionam. É um trabalho maravilhoso. Eu e meus colegas fizemos a Escola de Vencedores, da igreja, para aprender a falar em público e agir em situações como essas." É difícil imaginar prova maior de fé do que esse mico total, como diriam jovens menos convictos.

Dois filhos, duas histórias

Julio Vilela

REVIRAVOLTA
Maria, fiel da Universal, orgulhosa do filho Kleber, preocupada com a filha Clarice: ele voltou, ela saiu

Manter os filhos no bom caminho é um dos maiores apelos de qualquer religião. Maria Negreiros, 48 anos, cozinheira, fiel da Igreja Universal, conta como Kleber e Clarice tomaram rumos totalmente diversos na vida. A mãe faz o seu relato:

"Minha filha de 21 anos foi criada na Universal. Aos 14, resolveu largar a igreja. Ela queria conhecer o mundo, sair à noite, fazer amizades fora da igreja e namorar. Em pouco tempo, já estava saindo quase todas as noites com as amigas do bairro. Passou a beber e a fumar muito. Entre os 18 e os 20 anos, envolveu-se com gente que usava drogas. Nesse período, engravidou de um rapaz que eu nem conhecia. Durante a gravidez, ele começou a namorar outra menina. Clarice sofreu muito. Hoje, trabalha como vendedora em uma loja. Ganha até razoavelmente bem, mas gasta na noite, com bebida e sei lá mais o quê. Ela sai toda sexta-feira e todo sábado. Volta só no dia seguinte, sempre de ressaca. Sou eu que fico com o filhinho dela, de 2 anos. Também pago quase tudo. Ela não tem paciência com o menino e vive irritada com ele. Meu outro filho, Kleber, 27 anos, só me dá orgulho. Ele passou por uma enorme transformação. Até cinco anos atrás, estava no fundo do poço. Era viciado em cocaína e em maconha e chegou a traficar. Uma vez foi até preso. Passava dia e noite nos bares e nos cantos das ruas se drogando. Um dia, acordou mal, depois de fazer coisa errada a noite inteira. Pegou um ônibus e foi para a sede da Universal, em Santo Amaro. Desde então, vai quase todas as noites. Está se preparando para ser obreiro e trabalha com meninos viciados em drogas. Para ajudar em casa, é manobrista. Nunca mais tocou num copo de cerveja e não sai com meninas. Diz que está esperando aparecer a mulher certa para se casar. O sonho dele, agora, é fazer uma faculdade."

FONTE: http://veja.abril.com.br/100908/p_134.shtml

Ler Mais

DEUS não vê como o Homem vê.



JACÓ! Foi um trapaceiro.
LÉIA! Era uma mulher feia.
JOSÉ! Era um sonhador.
MOISÉS! Tinha um problema de gagueira.
RAABE! Era uma prostituta.
DAVI! Foi adultero e assassino.
SALOMÃO! Foi um mulherengo;
ISAIAS! Tinha lábios impuros.
JEREMIAS! Era muito jovem.ELIAS! Teve medo.
JONAS! Fugiu de Deus.
NOEMI! Era uma viúva.
PEDRO! Era emotivo e negou o Cristo.
MARIA MADALENA! Foi adultera.
MARTA! Preocupava-se demais com as coisas.
TOMÉ! Duvidava de tudo.
ZAQUEU! Era usurpador.
PAULO! Era religioso demais.
TIMÓTEO! Tinha uma úlcera.
LÁZARO! Estava morto.

Eles podem sim " ser usado por Deus".
APESAR DOS SEUS erros que para nós aparentam ser absurdos .

DEUS NÃO VÊ O HOMEM COMO EU VEJO"
AMADOS, Deus usou todas essas pessoas com seus defeitos. EU JÁ OUVI muita gente dizer que não pode servir a Deus porque é uma pessoa repleta de defeitos ,NÃO SÃO CASADOS MAS MORAM JUNTOS, quem sabe ATÉ devido a condições financeiras,mas têm um coração
INTEGRO,TÊM BOAS ATITUDES, Quem sabe, oram a DEUS e se arrependem ?

quem sou EU PRA DIZER QUE ELES não serão perdoados pelo senhor?? ...Quem sou eu pra dizer q não são instrumentos pro senhor tbm ???

PARA Deus não IMPORTA ele quer usar você com sua fraqueza e mostrar o potencial que existe adormecido em nosso interior.

mesmo sabendo que o ser humano é fraco, DEUS AMA.


...
Beijos e queijos,Criz_Coca !!!

Ler Mais

A nova reforma Protestante (Trecho)


Inspirado no cristianismo primitivo e conectado à internet, um grupo crescente de religiosos critica a corrupção neopentecostal e tenta recriar o protestantismo à brasileira.

Irani Rosique não é apóstolo, bispo, presbítero nem pastor. É apenas um cirurgião geral de 49 anos em Ariquemes, cidade de 80 mil habitantes do interior de Rondônia. No alpendre da casa de uma amiga professora, ele se prepara para falar. Cercado por conhecidos, vizinhos e parentes da anfitriã, por 15 minutos Rosique conversa sobre o salmo primeiro (“Bem-aventurado o homem que não anda segundo o conselho dos ímpios”). Depois, o grupo de umas 15 pessoas ora pela última vez – como já havia orado e cantado por cerca de meia hora antes – e então parte para o tradicional chá com bolachas, regado a conversa animada e íntima.

Desde que se converteu ao cristianismo evangélico, durante uma aula de inglês em Goiânia em 1969, Rosique pratica sua fé assim, em pequenos grupos de oração, comunhão e estudo da Bíblia. Com o passar do tempo, esses grupos cresceram e se multiplicaram. Hoje, são 262 espalhados por Ariquemes, reunindo cerca de 2.500 pessoas, organizadas por 11 “supervisores”, Rosique entre eles. São professores, médicos, enfermeiros, pecuaristas, nutricionistas, com uma única característica comum: são crentes mais experientes.

Apesar de jamais ter participado de uma igreja nos moldes tradicionais, Rosique é hoje uma referência entre líderes religiosos de todo o Brasil, mesmo os mais tradicionais. Recebe convites para falar sobre sua visão descomplicada de comunidade cristã, vindos de igrejas que há 20 anos não lhe responderiam um telefonema. Ele pode ser visto como um “símbolo” do período de transição que a igreja evangélica brasileira atravessa. Um tempo em que ritos, doutrinas, tradições, dogmas, jargões e hierarquias estão sob profundo processo de revisão, apontando para uma relação com o Divino muito diferente daquela divulgada nos horários pagos da TV.

Estima-se que haja cerca de 46 milhões de evangélicos no Brasil. Seu crescimento foi seis vezes maior do que a população total desde 1960, quando havia menos de 3 milhões de fiéis espalhados principalmente entre as igrejas conhecidas como históricas (batistas, luteranos, presbiterianos e metodistas). Na década de 1960, a hegemonia passou para as mãos dos pentecostais, que davam ênfase em curas e milagres nos cultos de igrejas como Assembleia de Deus, Congregação Cristã no Brasil e O Brasil Para Cristo. A grande explosão numérica evangélica deu-se na década de 1980, com o surgimento das denominações neopentecostais, como a Igreja Universal do Reino de Deus e a Renascer. Elas tiraram do pentecostalismo a rigidez de costumes e a ele adicionaram a “teologia da prosperidade” (leia o quadro na última pág.). Há quem aposte que até 2020 metade dos brasileiros professará à fé evangélica.

Fonte: Revista Época – 09 Agosto 2010

Ler Mais

• Homenagens dos cantores GOSPEL aos seus PAIS.

Vejam algumas homenagens que os " artistas gospel" prestaram aos seus PAIS nesse lindo dia.

" De que maneira poderá o jovem guardar puro o seu caminho?Observando-o segundo a tua palavra. Sl 119.9

"
a CANTORA MARINA em seu TWITTER ( @MarinaMkMusic )
No dia dos pais quem cozinha é o chefe @aroldeoliveira 2502 PAIZÃO. fazendo um super carreteiro#adooooro



A esposa do André Valadão postou :
3 gerações:Avo,filho,neto


A cantora Eyshila postou em seu twitter (@eyshila1) : Amanhã é dia dos pais. Parabéns a todos os papais, e que Deus console os corações saudosos como o do meu marido. Pr José Santos faz falta...
E fez uma cartinha pro seu pai está em seu BLOG : http://www.diariodaeyshila.com.br/?p=1665


O pastor Kleber Lucas postou em seu twitter ( @prkleberlucas ) Meus filhos vao me levar pra almoçar e eu vou levar meu pai. rsrs :Herdeiros e herança!dias dos pais !!



Fernanda Brum postou em seu twitter ( @prafebrum ): Dia dos pais eu e Bruno paparicando o papai Nelio Brum kkkkk , .



Segue o video com uma bela homenagem do WILSÃO SIDERAL -

Dia Dos Pais - Igor, Wilson e Wilsão Sideral - Graffite

http://www.youtube.com/watch?v=UQ-xBngErII

:D DIA DOS P

---- > BEIJOS E QUEIJOS ,CRIZ_COCA !!!
Ler Mais

Fernanda Brum no CHAT da UOL me respondendo.

Hoje a tarde a cantora FERNANDA BRUM marcou presença no CHAT da UOL e lá foi entrevistada pelos internautas,e eu, como não poderia perder essa oportunidade,rs enviei a minha perguntinha que foi CARINHOSAMENTE respondida pela @Prafebrum ....

ADOOOREI ELA ME CHAMANDO DE AMIGA DO PEITO..*_*
OWN AHAHHA É MINHA CANTORA FAVORITA ELA SABE DISSO,SÓ PRA NÃO PERDER O COSTUME, TE AMO.!RS


Eu dessa feita perguntei se ela participaria de algum programa secular fazendo dueto com uma cantora secular " IVETE SANGALO " a mesma falou que participaria sim,mas cantando gospel.

Eu fui totalmente a favor da sua afirmativa ,uma vez que a própria cantora já saiu do meio secular,tem mais é que mostrar essa diferença mesmo .
Mas algumas pessoas do "twitter" não apoiaram essa afirmativa da pastora e você ?
o que acha sobre isso? deixe a sua opinião nos comentários .... Beijos e queijos!

Segue :

CRIZ_COCA!!!!



Ler Mais

O que Deus não vai ...


Deus não vai perguntar que tipo de carro você costumava dirigir... mas vai perguntar quantas pessoas necessitando de ajuda você transportou.

Deus não vai perguntar qual o tamanho da sua casa... mas vai perguntar quantas pessoas você abrigou nela.

Deus não vai fazer perguntas sobre as roupas do seu armário... mas vai perguntar quantas pessoas você ajudou a vestir.

Deus não vai perguntar o montante de seus bens materiais... mas vai perguntar em que medida eles ditaram sua vida.

Deus não vai perguntar qual foi o seu maior salário... mas vai perguntar se você comprometeu o seu caráter para obtê-lo.

Deus não vai perguntar quantas promoções você recebeu... mas vai perguntar de que forma você promoveu os outros.

Deus não vai perguntar qual foi o título do cargo que você ocupava... mas vai perguntar se você desempenhou o seu trabalho com o melhor de suas habilidades.

Deus não vai perguntar quantos amigos você teve... mas vai perguntar para quantas pessoas você foi amigo.

Deus não vai perguntar o que você fez para proteger seus direitos... mas vai perguntar o que você fez para garantir os direitos dos outros.

Deus não vai perguntar em que bairro você morou... mas vai perguntar como você tratou seus vizinhos.

Deus não vai perguntar quantos diplomas você conquistou... mas vai perguntar como você usou seu conhecimento para o bem comum.

Deus não vai perguntar quantos hectares tinha sua propriedade... mas vai perguntar se você ajudou a proteger o meio-ambiente.

Deus não vai perguntar quantas pessoas você atraiu para a igreja... mas vai perguntar como você influenciou o Mundo à sua volta.

Deus não vai perguntar que herança você deixou para seus filhos... mas vai perguntar que legado deixou para as próximas gerações.

E eu me pergunto:

Que tipo de respostas terei para dar?

Talvez Ele nem faça pergunta alguma. Bastaria Seu olhar prescrutante para que todas essas perguntas nos viessem à mente num abrir e piscar de olhos.

E você, está pronto pra encontrar-se com Deus?

FONTE:http://hermesfernandes.blogspot.com/2009/08/o-que-deus-nao-vai-perguntar.html
Ler Mais

- FILME - ( uma prova de amor )




Olá galera que curte um bom filme de drama.
Semana passada tive a oportunidade de ver My sister's keeper
(BR- Uma Prova de Amor )
(PT- Para a mi
nha irmã) é um filme estadunidense, lançado em 11 de setembro em 2009 pela Playarte.
Em DVD
nas locadoras, o filme chegou em 09 de dezembro de 2009 com 15 minutos de cenas adicionais nos extras. A classificação em Livre. Vale apena conferir ,confesso que me emocionei bastante principalmente no final ,
você vai se prender a essa história de amor , segue :


-- -- Sinopse

Concebida por meio de fertilização in vitro, Anna (Abigail Breslin), foi trazida ao mundo para ser uma combinação genética para a sua irmã mais velha, Kate (Sofia Vassilieva), que sofre de leucemia promielocítica aguda. Quando Kate tem 15, ela passa a sofrer de insuficiência renal. Anna sabe que se ela doa um rim, ela terá uma vida limitada. Sabendo que terá que doar um de seus rins para sua irmã, Anna processa os pais para obter emancipação médica e os direitos sobre seu próprio corpo. Procura Campbell Alexander (Alec Baldwin), que aceita trabalhar para Anna como seu mandatário, processando a extinção parcial dos direitos parentais.

O filme retrata a vida de uma menina com leucemia. Suas dores, seus sentimentos, seu relacionamento com a família. Retrata o amor de uma mãe que é capaz de dar tudo, e enlouquecer pela saúde da filha. My Sister's Keeper é um filme que fala sobre o amor de uma família que aprendeu a viver com uma doença.


PERSONAGENS:




- SE VC JÁ VIU DEIXE O SEU RECADO AQUI ..CASO CONTRÁRIO VEJA E ME DIGA O QUE ACHOU... :D
é uma boa dica pro teu final de semana.


CRIZ_COCA!
Beijos e queijos !!!!

Ler Mais

Garota de 13 anos copia Bíblia e entra para RankBrasil


Em 10 meses Juliana concluiu o desafio e usou mais de 3 mil folhas

Ela utilizou 28 canetas, 3.223 folhas e 34 blocos de fichários com 96 folhas cada. E para que todo esse material? Para copiar a Bíblia. Aos 13 anos, Juliana Grunheidt Vilela Pereira, dedicou 10 meses para reescrever as Sagradas Escrituras. Ela terminou a tarefa em dezembro de 2009, mas só agora foi homologada no Livro dos Recordes Brasileiros, RankBrasil.

Juliana é filha do diácono Vander Batista Pereira e de Suzimara Grunheidt Vilela Pereira, membros da Igreja Presbiteriana de Vila Rubens, da Cidade de Itajubá – MG, onde moram atualmente.

A adolescente acordava às 6h para copiar a Palavra de Deus. “Quando tinha algo para fazer de manhã não gostava porque a prioridade era copiar a Bíblia. Nunca vou esquecer esta experiência”, ressaltou.

Pouco tempo antes de começar a redigir a Bíblia Sagrada Juliana estava enfrentando um problema de saúde comum entre muitas adolescentes, ela tentava superar a anorexia. Lutando contra sua disfunção e querendo superar seus problemas a recordista procurava ocupar sua mente. “Foi aí que Deus me ajudou, colocando em meu coração o desejo de ler e copiar a Bíblia, assim minha mente ficou ocupada e passei a ter uma vida melhor”, conta Juliana.

Juliana contou com a ajuda da família para cumprir seu objetivo, no começo passava grande parte do dia reescrevendo o material, o que acabou prejudicando sua relação com os amigos e estudos devido ao tempo de dedicação. Assim sua mãe traçou algumas metas onde Juliana deveria copiar somente quatro capítulos ao dia e descansar aos domingos, seus horários eram das 6 horas da manhã até as 11 horas, na maioria das vezes transcrevia por cinco horas, algo em torno de 20% do seu tempo.

A mãe foi a primeira a tomar conhecimento do desafio da filha. Ele acordava e sempre via a filha copiando. A mãe diz que Juliana aprendeu o que está escrito e guardou no coração. Além disso, incentivou a família a ler a Bíblia em um ano. “Tantos adolescentes gastam tempo naquilo que tem amor como TV, Internet, videogame. E minha filha tem amor pela palavra de Deus. Sinto muito orgulho dela”, frisou.

Durante os 10 meses, a família Pereira manteve segredo. Na escola a adolescente comentava apenas que acordava às 6h para ler a Bíblia. “Um colega se interessou e começou a ler também. Ao copiar aprendi muitas histórias que me ajudou a crescer espiritualmente e na escola”, ressaltou Juliana.

O material produzido por Juliana foi impresso e encadernado em vários volumes resultando uma linda coleção, contando com o apoio da família sempre que terminava de escrever um volume ganhava presentes, representando muita emoção para ela e sua família.

Para a recordista a emoção foi ainda maior ao terminar de reescrever as últimas palavras da Bíblia, “não é fácil descrever a emoção que senti naquela hora, mas quando terminei de copiar a última frase da Bíblia, lembro-me de ter dado um suspiro e um grande sorriso, dei muitos pulos de felicidade, foi uma experiência maravilhosa, que nunca vou esquecer”, declara Juliana.

Para a recordista Juliana entrar para o Livro dos Recordes Brasileiros foi uma surpresa, pois não tinha ideia de que este feito fosse causar tanta repercussão e admiração entre as pessoas. “Estou muito feliz por deixar registradas algumas verdades, o grande amor que eu tenho para com Deus e com sua Palavra, a importância da Palavra de Deus no nosso dia-a-dia e na família”, declara Juliana.

A Igreja Presbiteriana de Vila Rubens, da qual a família é membro, homenageou Juliana com um diploma. “Fiquei emocionada, afinal consegui depois de uma tarefa difícil. Vou incentivar as pessoas a fazer o mesmo porque aprendi muito”, finalizou.

Fonte: RankBrasil
Ler Mais
 
__________________* | by TNB ©2010